O esparguete à Bernardo

Acho que vai ser assim que este esparguete vai ser conhecido cá em casa!
Sim, esta marmita tem sugestão de “Chef” Bernardo, mas este amigo aprendeu a sua confecção com o  Chakall!

Quando a minha amiga Lena vem cá é sempre um excelente motivo para um cafezinho e para colocar a conversa em dia, conversa boa nunca se esgota. 

Desta vez juntou-se a nós o Bernardo. E, no meio de muita risada, e de assuntos mais sérios, surgiu a culinária, com os inevitáveis comentários à volta de uma foto sua, de turbante!!

O Bernardo tem uma admiração acentuada pelo Chakall  e perante o meu ar reticente resolveu, de imediato, dar uma visão de quem já teve oportunidade de privar com o cozinheiro e de começar a descobrir a pessoa que ele é. E...não demorou muito a receber um mail com uma das receitas faladas neste encontro de amigos.

A receita é muito simples, económica e com um  resultado muito interessante.

Aqui fica este apontamento, conseguido apenas esta semana dado que só agora duas situações que levaram à inevitabilidade da confecção desta marmita: uma sobra de esparguete e um resto de broa de milho.

esparguete à Bernardo

ingredientes:
  • esparguete (como vos disse aproveitei o que sobrou de uma refeição e que tinha sido cozido em água abundante, com uma cebola, coentros e cravinho - e onde tinha adicionado uma noz de margarina)
  • Broa de milho (aproveitei um resto de broa piquei-a com alho fresco e fritei-a em azeite)
  • queijo chèvre
  • nozes picadas

Preparação:

como já estão a antever. a preparação é super simples:
  1. Num ralador/picador e reduz-se a broa a granulos, juntamente com dentes de alho. 
  2. Leva-se ao lume, com um pouco de azeite, para fritar
  3. ao esparguete junta-se a broa, o queijo e as nozes e...
  4. mistura-se tudo!
É francamente agradável esta marmita crocante.

ObrigadaJ



16 comentários:

  1. Que delicioso aspeto que este esparguete tem...devr se uma maravilha!bjinhos

    ResponderEliminar
  2. Ai eu, broa frita, hum!!! Que delicia! Esse é um petisco (proibido!) que me lembro de ver a minha mãe fazer! Até consigo imaginar a combinação que sugeres!

    ResponderEliminar
  3. Até sinto aqui o cheirinho desse belo petisco!!
    Como me agrada :) Também sou fã do Chakall.
    Este esparguete com a broa já me faz sair daqui com uma fome tremenda :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E não tiraste um pedacinho porquê? (não te quer com o estomago a dar horas)

      Eliminar
  4. uiui com broa deve ser ca uma delicia bravo nao conhecia bjs

    ResponderEliminar
  5. Mané, essa marmita ficava lindamente para o meu almoço de amanhã. Gostei imenso da receita
    Um beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Beijinho tb (podes levar um pedacinho para o teu almoço, eu não me importo)

      Eliminar
  6. Fica boa à temperatura ambiente? Parece-me um bom petisco :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sim, sim (aliás eu como tudo à temperatura ambiente preferencialmente)
      Bjs

      Eliminar
  7. Esta receita vou mesmo fazer! Depois dou feedback!

    ResponderEliminar
  8. Olá Mané!
    Tão simples e tão especial.
    Gostei muito e pode crer que vou
    experimentar. Depois lhe conto.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo comentário:)
Se só pode optar pelo perfil "anónimo" por favor assine.
Obrigada
:):)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...